quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

Um amor quase perfeito

O Filme:
Um amor quase perfeito (Le Fate Ignoranti, Itália, 2001)

Sinopse:
Após o falecimento de seu marido, uma mulher descobre ao acaso uma dedicatória amorosa para o falecido. Determinada a encontrar esta amante, a viúva leva um susto. Antonia descobre que seu marido tinha outra vida, ao lado de outra pessoa.

Grande questão:
Em que momentos a vida passa do nosso lado e não conseguimos enxergá-la?

Detalhes preciosos:
1. O significado de um copo quebrado;
2. A figura de um padre entre os personagens na cena com a música "Gracias a la vida";
3. O jogo de sedução entre marido e mulher na cena inicial do filme.

Frase:
"Como somos tolos! Quantos convites recusados; Quantas palavras não ditas; Quanto olhares não retribuídos. Muitas vezes a vida passa ao nosso lado e a gente nem percebe.”

Música:
Birdenbire - Yasemin Sannino

Cena que adoro:
Aquela em que todos os personagens se reúnem para ouvir a música "Gracias a la vida". Clique aqui para ver.

Nenhum comentário: