quarta-feira, 7 de janeiro de 2009

Nove Discos

Nove discos, descobertos no último ano* que não saem do meu iPod.

01. Papito
Miguel Bosé
O disco celebra 30 anos da carreira do cantor espanhol em companhia de grandes artistas. Um disco de duetos que reúne as músicas escolhidas pelos fãs como as melhores do cantor.
Destaque para "Si tu no volves" com participação de Shakira.

02. The Orchard
Lizz Wright
Com uma mistura de Jazz, Soul e Pop, a cantora norte-americana Lizz Wright é uma das mais belas vozes do Jazz contemporâneo.
Destaque para a faixa "My Heart".

03. Onde brilhem os olhos seus
Fernanda Takai
O primeiro disco solo de Fernanda Takai não poderia ter repertório mais apropriado. A vocalista do Pato Fu dá outros tons às belas músicas de Nara Leão.
Destaque para a versão de "Diz que fui por aí".

04. Safe Trip Home
Dido
O terceiro álbum da cantora inglesa é talvez o mais coeso de sua discografia. Mais madura, ela propõe músicas mais reflexivas com um tom melancólico que perpassa todas as faixas. Difícil é escolher uma entre tantas lindas.
Destaque para "The day before the day".

05. Once
Marketa Irglova and Glen Hansard
O projeto do disco nasceu quando o diretor John Carney encomendou a Glen Hansard, líder da banda irlandesa "The Frames", a compor algumas canções para que, a partir delas, o roteiro do filme "Apenas uma vez" fosse desenvolvido. A música tema acabou ganhando o Oscar de Melhor Canção e consagrou esta como uma das mais belas trilhas sonoras do cinema alternativo.
Destaque para "When Your Mind's Made Up".

06. Que belo estranho dia para se ter alegria
Roberta Sá
Um disco delicioso que aposta na intimidade com cada unidade das canções. As boas escolhas na lista de compositores culmina em melodias que têm a leveza para se esquecer o peso do dia-a-dia.
Destaque para "Janeiros".

07. Lo Que Te Conté Mientras Te Hacías La Dormida
La Oreja de Van Gogh
O disco do grupo espanhol do gênero pop traz baladas originais e bem diferentes no ritmo. Para dançar ou ouvir quietinho.
Destaque para a faixa "Rosas".

08. Release The Stars
Rufus Wainwright
Pretensioso e seguro em arranjos, Rufus é fabuloso. Sua voz melancólica é de uma estranhice sem tamanho e é exatamente isso que faz dele um cantor ímpar. O disco traz canções belas, por vezes dissonantes, mas tão pregnantes a ponto de não sairem mais da cabeça. Para passar a o dia cantarolando.
Destaque para "Going To A Town".

09. Chega de Saudade
Elza Soares e Marku Ribas
A trilha do belíssimo filme "Chega de Saudade" é tão deliciosa que a vontade é sair dançando toda vez que a roz rasgada de Elza Soares entoa "Não deixe o samba morrer". Músicas já consagradas com arranjos da Banda Luar de Prata dão o tom nostálgico do disco.
Destaque para "Você não vale nada".

(*) Nem todos os discos da lista foram lançados em 2008.
Imagem: Montagem com capas dos discos.

Nenhum comentário: