segunda-feira, 11 de maio de 2009

Tudo está como deve ser

Enquanto alguns não sabem onde a busca pelo amor pode levá-los, eu reconheço com facilidade o lugar comum onde essa mesma busca parece me fazer habitar. Ao pisar na realidade meus pés ainda fantasiam campos de dança, mas finjo não mais plantar expectativas por caminhos onde passar. Talvez, no futuro, quando as forças retornarem ou quando um impulso qualquer me levar desse ponto onde estou... talvez, assim, eu consiga mudar minhas fantasias.

É bom aprender que mudanças não se instalam pelos movimentos dos furacões, mas chegam como pequenas brisas que agitam cortinas ao amanhecer. Se é nesse lugar comum que devo habitar então é bom fazer dele o meu lar. Cuidar e não mais 'expectar' ou criar roteiros de cinema para me tirarem daqui. Doçuras antes do amanhecer não significam permanências antes do anoitecer. Simples assim, como aroma discreto das flores escondidas em campos de vasta vegetação.

Foto: Wolney Fernandes

Nenhum comentário: