sexta-feira, 9 de abril de 2010

Aos marxistas de plantão

"Os marxistas sempre operavam na certeza de que, vinda a revolução, seriam os primeiros a se encostar nos quartéis-generais do partido com pranchetas nas mãos. Não dariam conta de lavar uma xícara de café, embora estivessem mais do que dispostos a criticar o fabricante do detergente."

David Sedaris (Do livro "Eu falar bonito um dia")

4 comentários:

Caio Andrade disse...

"Os marxistas" não são todos iguais... =)

Felismara disse...

rsrsrsrsrsrs é verdade

Rezende Bruno disse...

Eita ..mas num é que eu concordo com Felismara que nem vou escrever outro texto.
Mas Wolney tu foi fundo, esse pequeno texto é grande demais da conta.

Wolney Fernandes disse...

Eu bem sei que os Marxistas não são todos iguais. O texto refere-se apenas "aos marxistas de plantão"!