segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Dos inícios e das vontades de escrever

"Escrevo com as mãos atadas. Na concretude imóvel do meu quarto, de onde não saio há longo tempo. Escrevo sem poder escrever e: por isso escrevo."

[Do início do livro "A Chave de Casa" de Tatiana Salem Levy]


"Tudo no mundo começou com um sim. Uma molécula disse sim a outra molécula e nasceu a vida. Mas antes da pré-história havia a pré-história da pré-história e havia o nunca e havia o sim. Sempre houve. Não sei o quê, mas sei que o universo jamais começou. Que ninguém se engane, só consigo simplicidade através de muito trabalho. Enquanto eu tiver perguntas e não houver resposta continuarei a escrever."

[Do início do livro "A hora da estrela" de Clarice Lispector]


"Não sei ao certo por que o incidente banal desta tarde acabou provocando em mim a vontade de lhe escrever. O fato é que, desde que nos separamos, o que mais me faz falta, acho, é chegar em casa e ter a quem contar as curiosidades narrativas do meu dia, do jeito como um gato às vezes larga um camundongo aos pés do dono, as pequenas, modestas oferendas com que os casais se brindam, depois de revolver quintais diferentes."

[Do início do livro "Precisamos falar sobre o Kevin" de Lionel Shriver]


"Eu tenho que achar um lugar para esconder as minhas vontades. Não digo vontade magra, pequenininha, que nem tomar sorvete a toda hora, dar sumiço da aula de matemática, comprar um sapato novo que eu não aguento mais o meu. Vontade assim todo mundo pode ver, não tô ligando a mínima. Mas as outras - as três que de repente vão crescendo e engordando toda vida - ah, essas eu não quero mais mostrar. De jeito nenhum. Nem sei qual das três me enrola mais. Às vezes acho que é a vontade de crescer de uma vez e deixar de ser criança. Outra hora acho que é a vontade de ter nascido garoto em vez de menina. Mas hoje tô achando que á a vontade de escrever."

[Do início do livro "A bolsa amarela" de Lygia Bojunga]

Imagem capturada em http://www.flickr.com/photos/sammybear/2389241123/

Nenhum comentário: