sexta-feira, 8 de agosto de 2008

Sonho Encenado

Um sonho ruim tem povoado minhas noites. As ações do pesadelo, aparentemente sem conexões, seguem o roteiro abaixo:

Cena 01
O carro pára do lado direito da rua. Um ligação é sugerida, mas a espontaneidade do gesto é dissipada pela precisão da hora marcada. O motorista vê o passageiro bater a porta e correr até o portão.

Cena 02
A hora marcada pra ligação se desfaz com uma mensagem que tenta encerrar a noite com um fio de entusiasmo. Sem resultado.

Cena 03
Uma aula de educação física, iniciada anteriormente, continua... O suor que dela emana consegue tirar o gosto bom da boca. Sem doce, sem dança, sem cumplicidade... Só cacos que tiram os beijos deixando silêncios e contradições que imprimem uma ranhura no vidro delicado da verdade.

Cena 04
O carro dá meia-volta e segue o caminho de casa, agora turvo pelas lágrimas que teimam em rolar.

10 de maio de 2008
http://3.bp.blogspot.com/_DfZYvGONIQ0/SCZfrkAs3FI/AAAAAAAAAhI/FBe2s-1E4I0/s1600-h/joseph

Nenhum comentário: