sábado, 18 de abril de 2009

Desenhando silêncios

Tenho passado dias e madrugadas assim: desenhando silêncios de brisas azuis, projetando escritas e recitando imagens. Foi em um destes desenhos que encontrei as linhas sinuosas de cores esmaecidas que, de hoje em diante, darão cara nova ao blog. As alterações começaram na madrugada do dia 17, mas como toda arrumação conduzida por minhas mãos, vai se desenrolar aos pouquinhos, sem muita pressa... De um jeito bom e gostoso como há tempos não me permito trabalhar. Um traço aqui, uma entrelinha maior ali, um colorido bonito de cá e quando menos se espera, tudo está no lugar.

[pausa]

Será que consigo fazer isso também do lado de cá do teclado?

Imagem: Wolney Fernandes

Um comentário:

Deire Assis disse...

belos traços. gostei demais.

abç!