sexta-feira, 10 de julho de 2009

Dúvida

Quando um homem morria, a pergunta feita pelos gregos era bem simples:
- Ele viveu com paixão?

Morto, sua vida e história responderão à questão. Mas ainda vivo, é preciso respondê-la cada dia.
Eu vivo com paixão?

Imagem: Wolney Fernandes

3 comentários:

Cristiano Casado disse...

O pensamento grego influenciaraou muito a maneira de a gente ver as coisas. Pena que no tempo das paixões, a verdade nos é escondida... A paixão cega ou o fechar de nossos olhos e apaixonar-se é suficiente para viver acreditando em algo que vai além das coisas comuns?

Naira Rosana disse...

Eu acredito que você viva com paixão sim, querido Wolney!

E eu continuo ansiosa pelo trem que você ficou de enviar por e-mail.

Luciano disse...

Fiquei pensando o que seria viver com paixão. Daí fui olhar a definição de paixão no dicionário Aurélio: "Sentimento ou emoção levados a um alto grau de intensidade, sobrepondo-se à lucidez e à razão". Será que os gregos, tão racionais, acreditavam que viver com paixão era se entregar tão intensamente a algo que beirava a irracionalidade?