segunda-feira, 17 de setembro de 2012

Dezessete de setembro de 2012 - Segunda


A segunda-feira não chegou com os contornos dos começos. Desde a sexta eu já havia começado a anotar tudo que a memória conseguiu guardar para escrever em meu Diário Dezessete. É por isso que não há pausas para espaços porque tudo aconteceu em tão pouco tempo.

Chuvaprincesaveioregartodaquenturadanaturezaquesepreparaparaparirmaisumaprimaveraáguanoquartonachegadadaviagemmeucoraçãopareciaventilarsossegoseapesardocalorfoiotimoexperimentarossaboresgeladosdaquieaardênciarefrescantedeláentrepasseioseencantoscadacantoparecianovopelaretinadeolhosdemergulharemolduradosporsobrancelhasquesemovemindependentementevontadedeaçaíconversasemhoraparaterminar...

Os dias parecem terminar mais cedo com esse horário louco do sol se pôr. Entre o sábado e a segunda, Alanis Morissette apareceu por aqui para colocar cores nos sabores de sempre. Tanta coisa interessante vivida desde sexta que, se eu não tivesse presenciado tudo, eu classificaria esse final de semana como implausível.

O próximo se passará pouco tempo depois da epifania em busca de uma música que supere essa aqui.

"I'm slipping again
I'm up to old tricks off my wagon
I have no defense
I'm wreaking havoc
Wreaking havoc and consequence"

Imagem: Wolney Fernandes

Nenhum comentário: