quinta-feira, 7 de agosto de 2008

Só por mais um dia

Sou um Dom Quixote à moda da casa: meus gigantes são os prédios, porque nunca vi um moinho de vento pessoalmente. No lugar das histórias de cavalaria, livros com imagens e um alforje com canções. Realidade? Ah, fiquem vocês com a realidade, só por hoje. Eu confesso minha fraqueza: meu vício é o sonho. É uma das coisas raras que me deixam vivo mais um dia. E como todo vício, não resolve meus problemas, mas me impulsiona. Só por mais um dia.

13 de Fevereiro de 2008
Imagem de Cândido Portinari: Dom Quixote e Sancho Pança Saindo para Suas Aventuras (1956). Lápis de cor sobre cartão.

Nenhum comentário: