domingo, 8 de julho de 2012

Diário de um Coração Vazio - Sexto Dia


"Os desiludidos seguem iludidos,
sem coração, sem tripas, sem amor."

Fui emoldurar uma gravura e derramei uma caixa cheia de tachinhas pelo quarto inteiro. Recolhi uma por uma de um jeito apressado. Isso quer dizer que a qualquer momento um desses preguinhos que certamente ficou perdido por aí vai entrar no meu pé, percorrer todas as minhas artérias até chegar ao meu coração e eu vou morrer.
Sem drama.
Sem Drummond. 

Anotações do dia 05/07/2012
Imagem: Wolney Fernandes
Versos de Drummond

Um comentário:

Sto António do Limão disse...

Não morre nada!
Até já.